terça-feira, 22 de novembro de 2016

RECEITAS CASEIRAS PARA COMBATER PRAGAS NAS ORQUÍDEAS

Sempre o natural antes do químico


CEBOLA COM ALHO E PIMENTA – Combate pulgões e qualquer cochonilha e maria fedida.
Pegue uma cebola, uns quatro dentes de alho, uma colher de sopa de pimenta do reino ou uma colher de sopa de pimenta malagueta com um pouquinho de água apenas para bater no liquidificador. Esprema e deixe macerar por uma semana, depois dilua em 10 partes de água.   

REFRIGERANTES COM SAL – Combate lesmas e caracóis.

Pegue um pouco de refrigerante (pode ser aquele que está choco) e despeje em uma tampa de garrafa pet a do próprio refrigerante com a metade da tampa com sal de cozinha, agora deixe sobre o substrato do vaso de orquídea. O cheiro adocicado do refrigerante atrairá a lesma ou o caracol que ao ingerir morrerá desidrato. 
DICA: Coloque à noite, pois estas pragas têm hábitos noturnos.


FOLHAS DE MAMÃO – Combate pulgões e qualquer cochonilha e maria fedida – Duas folhas de mamão com talo, pica e adiciona um litro de água e bate no liquidificador e coa.


CALDA DE SABÃO E ALHO – Combate cochonilhas brancas ou com carapaça e pulgões 
Amasse 3 dentes de alho e misture com uma colher de sopa de sabão de coco em raspas ou em pó. Dilua em 1 litro de água quente. Agite bem. Deixe esfriar. Coe e coloque no pulverizador. Borrife sobre os insetos. Se a infestação for grande, repita na semana seguinte. O produto pode ser armazenado por até dois dias. 
Controle: limpeza manual com algodão úmido e utilização de inimigos naturais (joaninhas). 


CHÁ DE LOSMA - Combate de lagartas e lesmas
Coloque 30 g de folhas secas de losna em 1 litro de água. Ferva por 10 minutos. Esfriar. Coe em um pano, torcendo para extrair o princípio ativo. USO: dilua essa quantidade em 10 litros de água e pulverize. 


ÓLEO MINIERAL OU VEGETAL – Combate cochonilha com carapaça, insetos e algumas doenças fúngicas
 Diluir (1) parte de óleo (soja, etc.) em 100 partes de água. Ex: 1 ml de óleo 100 ml de água. Pulverizar sobre a planta. 


BICARBONATO DE SÓDIO  Combate a antracnose, míldio
Diluir em 4 litros de água uma colher de chá de bicarbonato e 2,5 colheres de óleo vegetal, bata bem, em seguida, adicione meia colher de chá de sabão em pó. Aplicar semanalmente até que a doença desapareça.


CALDA DE FUMO E SABÃO  Combate de percevejos, besouros, pulgões, cochonilhas e trips
Ferver 100 mg de fumo de corda em 2 litros de água por 5 minutos. Esfriar. Coar esse preparado e misturar com 2 colheres (sopa) sabão de coco em pó. Acrescentar 2 litros de água. Misturar bem. Aplicar sobre as plantas atacadas.
ATENÇÃO: Não é o mais indicado para orquídeas.


SULFATO DE COBRE – Combate doenças fúngicas e bacterianas
Diluir em 1 litro de água, 2 colheres (café) do sulfato. Pulverizar a cada 15 dias. Cuidados: Não aplicar em temperatura acima de 32ºC. Não aplicar em plantas com flor. Proteja folhas e rizomas. 


CANELA EM PÓ – Combate fungos (podridão negra)
Coloque canela em pós no substrato e planta. 
A canela em pó induz a Phalaenopsis a produzir brotos. Mas, não use muito, pois o pó adere as raízes.


PASTA SELANTE  Para combater infecções nas feridas após corte e podas das plantas
1 colher de chá de vaselina
10 gotas de própolis ( usar sem adição de açucar)
1 colher de chá de canela em pó
Misture tudo e está pronto uma pasta selante e cicatrizante.
Obs: Aplique inseticida caseiros nos horários mais frios.


PASTINHA DO CLUBE DAS ORQUÍDEAS SEM SEGREDOS:
1 colher de sobremesa de canela em pó
Óleo mineral ( compra em farmácias).
Coloque a canela em um recipiente e vá pingando o óleo mineral, até tomar a consistência de uma pasta homogênea.







Nenhum comentário:

VISUALIZAÇÕES DO BLOG